maggbahia@hotmail.com

sexta-feira, 22 de março de 2013

A Arte e a Maneira de Abordar Seu Chefe para Pedir um Aumento - Teatro



O francês Georges Perec (1936-1982) tornou-se famoso por seus radicais exercícios de estilo.

Em 1969, ele escreveu o romance O Desaparecimento sem utilizar, nem uma só vez, a letra “e” no texto. A vogal, em compensação, é a única empregada em Les Revenentes (algo como Os Retornantes).

Em 1968, o autor publicou um complicado e divertido manual de como pedir um aumento a seu superior.

No ano seguinte, criou uma versão teatral para a obra. Depois do sucesso de Pterodátilos (2010), Marco Nanini é quem dá vida ao protagonista da peça, que está em cartaz até amanhã (23) no Teatro Bradesco, com direção de Guel Arraes.

O monólogo cômico celebra a terceira parceria de sucesso da dupla, depois de O Burguês Ridículo (1996) e O Bem Amado (2007).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não seja deselegante, utilize-se do seu espaço com dignidade.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.